SEMANA DOS OBJETOS DE ARTE.

                              O Amor faz passar o tempo  ( c. 1819)


O lindo relógio de mesa cuja imagem mostramos é uma alegoria ao tempo que passa mais rápido quando estamos apaixonado. Cúpido rema o barco onde navega o tempo. Fabricado na Fábrica de Porcelana Nast. em Paris, foi batizado de L'amor fait passer le temps.

Acervo - Victoria and Albert Museum, Londres



O Buquê  ( 1851)

A porcelana biscuit foi sempre cobiçada, admirada por sua delicadeza e por permitir a criação de peças lindíssimas, que podem permanecer brancas ou receber cores.

Na Rússia  Imperial, o amor pela porcelana entusiasmou tanto quanto na Europa Ocidental, o objeto que mostramos é uma  das maravilhas guardadas no museu da fábrica imperial da porcelana e é de inspiração inglesa.

Acervo : Museu Hermitage, São Petersburgo.



Pigmaleão e Galateia  ( 1764 / 1773)

Pigmaleão e Galateia, em porcelana biscuit, representa o momento em que Galateia desperta: cúpido observa a cena, fabricada pela Manufatura  Real de Sérves.

"Na metamorfose", Ovídio relata a lenda de Pigmaleão, um escultor chipre que se apaixona pela estátua em marfim que esculpiu. Num festival em honra da deusa Vênus, ele  lhe pede que tenha piedade dele e que dê vida à sua virgem de marfim.
Volta pra casa é, como sempre vai beijar a estátua antes de se recolher; para sua surpresa, ela está com 0s lábios quentes e ele, entre assustado e feliz, vê que foi atendido. Agradece a Vênus e se une a ela, à sua Galateia. 
O filho dessa união, Pafos, deu nome a cidade Cipriota dedicada a deusa do amor.

Acervo Museu Britânico, Londres.

Todas as informações, foram retiradas das excelentes  fontes de  pesquisas na internet sobre objetos de artes.

"Qualquer restrição sobre a publicação, será imediatamente retirada do blog"

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Iluminismo: causas e características

Raça e Progresso - Franz Boas

Arte e Romantismo na Revolução Industrial