ARTE RUPESTRE DE CÔA


O vale do rio Côa constitui um local único no mundo.
Apresenta manifestações artística ao ar livre datáveis para diversas momentos da Pré-História.
Aqui se encontra o maior conjunto de figurações paleolítica ao ar livre até hoje conhecidas.


Cervídeos pintado  a vermelho.

No vale do Côa existem milhares de gravuras do período Paleolítico.
O seu estudo está a ser realizado por uma equipe de arqueólogos coordenada por Mario Varela Gomes e Antônio Martinho Baptista e demorará anos.
O conhecimento desta descoberta chegou à UNESCO, que lhe atribuiu a classificação de Património Cultural da Humanidade, facto que impediu a continuação da construção de uma barragem que para ali estava projetada. Em consequência do reconhecimento deste conjunto do interesse patrimonial deste conjunto de achados, foi decidido em 1995 criar na região o Parque Arqueológico do Vale do Côa.




                                                                 Gravuras na pedra

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Iluminismo: causas e características

Arte e Romantismo na Revolução Industrial

Raça e Progresso - Franz Boas